HISTÓRIA DO CHÚAN FA OU KENPO

PRÓLOGO

Naturalmente que dificilmente será para qualquer um de nós, sermos rigorosos e exactos, no que respeita à História das Artes Marciais, em concreto o Kenpo, pois muitas vezes, deparamo-nos com algumas dúvidas, para as quais não temos factos concretos e ainda devido ao facto de nos confrontar-mos com um sem número de Estilos de Kenpo espalhados pelo Mundo, incluindo como é óbvio Portugal. No entanto, para os meus queridos Alunos do Jinha Kenpo em especial e todos aqueles que consultarem a nossa querida Página, praticantes ou não, reuni elementos e factos que fazem com que fiquem com uma ideia aproximada da “Verdade” da Arte do Ch’uan Fa /To Te. Naturalmente que aqui, focarei com mais pormenor a origem do Kenpo até ao Estilo que Fundei, Jinha Kenpo pois esta é uma Página do Estilo Jinha Kenpo e que me perdoem todos aqueles que por algum motivo não mencionarei, mas desde já aqui fica uma palavra amiga. A todos os Mestres de Kenpo, Amigos e desconhecidos, Saudações Marciais.

Daruma com o Imperador Wu falando sobre a verdade do Budismo Zen ou a via do Kenpo, pela 1ª vez na China

Na China

Existe uma lenda Chinesa em relação à origem do Ch’uan Fa ou Kenpo/Kempo. Refere-se a um Monge Indiano Budista que veio da Índia para instruir o Imperador Wu os ensinamentos de Buda, assim como a uma Escola de Monges Chineses. Nessa altura, a viajem à Índia foi muito dura pois foi feita a pé. É provável que tivesse seguido a rota do Vale do Rio Indo, através das elevadas montanhas do Karakoman e do Deserto de Takla Maklán ou através do desfiladeiro de Khyber, através de Arayana (Afeganistão) e ao lado do rio Amu Daria, através de Pamir. Esse Monge teria de se encontrar numa excelente condição física para chegar à China. Uma vez chegado, instalou-se num Mosteiro chamado Pequeno Bosque (Shaolin-si) em Henan, sobre o Monte Songshan no ano de 496 onde criou a Seita Budista Chan (Dhyâna), que mais tarde no Japão tomaria o nome de Zen. Este Monge chamava-se Bodhidharma (460-534) e era o 28º Patriarca da Seita de Meditação pura (Dhyâna). A este Monge se atribui a criação de um sistema de luta sem armas, destinado a fortalecer o corpo e espírito dos Monges, sistema que seria a origem da maioria das Artes Marciais. As técnicas de Shaolin dão origem a duas correntes distintas, a do Norte, chamada Shaolin e a do Sul chamada Taiji Quan. Estes dois sistemas de luta foram mantidos em segredo durante séculos pelos Monges Budistas. Esses exercícios/técnicas denominadas Shih Pa Lo Han Sho que significa as 18 mãos de Lo Han, foram as bases do sistema foi Shaolin Ch’uan Fa em Mandarín e Ken-Fat em Cantonês, a Arte que os primeiros Mestres extraditaram da China, durante o séc. XV.
Grande Mestre de Kenpo Choki Motobu, tio e Mestre de James M. Mitose

No Japão

O Chúan Fa chega a Okinawa (Japão), onde se começa a chamar Kenpo que significa a Lei do Punho, To Te (mão da China) e ainda Okinawa-te (o punho de Okinawa). O Kenpo foi ensinado a um Monge Shinto de nome Kosho, pelas mãos dum Monge Chinês com quem estabeleceu grande amizade. O Monge Chinês tinha escapado do seu Mosteiro Shaolin, que tinha sido atacado pelas Tropas invasoras Tártaras de Gengis Kan. O Monge Kosho aprendeu a Arte, que posteriormente sofreu uma evolução pelo seu Clan de nome Mitose. A partir daí denominou-se Kosho Shorei Ryu Kenpo a Arte do Velho Pinheiro. Esta arte foi ensinada geração em geração só no Clan Mitose, até que o 21º descendente do Fundador James Masayoshi Mitose (1916-1981), nascido no Hawai, é enviado para o Japão para receber ensinamentos de seu Tio de nome Choku Motobi, um Grande Mestre de Kenpo, onde permaneceu durante 15 anos. Mais tarde o Mestre James Mitose desvendou os segredos do Kenpo aos Ocidentais pela primeira vez na história da sua Família, no Hawai, onde o Kenpo foi ensinado, praticado e divulgado a todo o Mundo, crescendo de tal forma que começam a aparecer diferentes Escolas de Kenpo em diversos Países. Em 1916 dois peritos , Kenwa Mabuni e Gichin Funakoshi introduziram a sua arte no Japão, dando-lhe o nome de Karaté ou seja mãos vazias. Kenwa Mabuni foi o fundador da Escola de Shito Ryu e Funakoshi da Escola de Karaté Shotokan.
Grande Mestre do Kosho Kenpo James M. Mitose, 21º descendente do fundador

No Hawai

James M. Mitose em 1938 regressa ao Hawai e aí permanece até 1956, altura que se deslocou até à Califórnia. Um ano depois, 1939, James Mitose começa a ensinar Kenpo aos Cadetes do ROTC, na Universidade do Hawai. No ano de 1940 , nasce seu filho Thomas Barro Mitose. No ano de 1941 alista-se na Guarda Territorial onde permaneceu até ser dissolvida. No ano seguinte James M. Mitose, funda o Club Oficial de Defesa Pessoal da missão Bretanha-Honolulu, onde começou a ensinar formalmente pela 1ª vez o Kosho Shorei a pessoas de todas as raças. Em 1947, escreve «What’s Self Defense» (Kenpo Jiu-Jutsu), no mesmo ano o sistema Mitose integrou-se na Escola de Kodenkan Jiu Jutsu de Hawai. O Mestre James Mitose, graduou cinco pessoas somente com o grau de Cinto Negro 1º Dan: Thomas Young, Paul Yamaguchi, William Kwai Sun Chow, Atthur Keawe e Jiro Nakamura. Um dos mais conhecidos destes Mestres, é sem dúvida o Professor William K. S. Chow (1914-1987). O Professor William mais tarde viria a ser Mestre de um outro grande Mestre, que nasce em Honolulú de nome Edmund Kamehamea Parker, que viria a ser o Pai do Kenpo Karaté Americano e que recebeu o Cinto Negro 1º Dan, em 1951 das mãos de William Chow. O Mestre William Chow foi alcunhado “relâmpago” pela velocidade dos seus movimentos e criou a sua própria visão do Kenpo pelo que denominou Kenpo Karaté Chinês e posteriormente Chinese Kara-Ho Kenpo, que continha os três melhores sistemas de combate do Hawai : o Kenpo, o Ch’uan Fa ou Kung Fu e o Karaté. O Mestre William Chow faleceu no dia 21 de Setembro de 1987.
Mestre Edmund Parker, considerado pai do Kenpo Karate Americano

Nos Estados Unidos da América

Edmund Kamehamea Parker nasceu em Honolulu, Hawai em 1931, foi para os Estados Unidos para estudar na Brigham Young University em Provo, Utah, e começou a ensinar Kenpo nas aulas de Educação Física, a Guardas Florestais, Chefes da Polícia, etc., durante a guerra da Coreia graduou-se em Sociologia e em 1956, mudou-se para Pasadena, Califórnia, onde abriu o seu primeiro Club. Presidente e Fundador da I.K.K.A. International Kenpo Karaté Association criador dos famosos Torneios Internacionais, International Karaté Championships, onde conhece o Grande Bruce Lee. Desde essa altura o Mestre Parker foi dos Mestres mais solicitados, e de todas as classes sociais, senão vejamos: Jornalistas, Professores, Médicos, Profissionais de diversos sectores e ainda um bom número de actores de cinema como por exemplo: Robert Wagner, Frank Sinatra, Warren Beatty, Darren Mc Gavin, Mac Donald Carey, Hank Silva, Rick Jason, Nick Adams, Blade Edwards, Elvis Presley, Dan Inosanto e ainda Bruce Lee, o pequeno Grande Dragão, que inclusivamente lhe outorgou o Cinto Negro 1º Dan. Infelizmente o Mestre Ed. Parker já não se encontra entre nós, pois a 15 de Dezembro de 1990, faleceu. O Grande Mestre James M. Mitose no ano de 1981 a 26 de Março, morre, sucedendo-lhe assim seu filho Thomas Barro Mitose como o 22º descendente, Chefe de todos os Templos e Escolas Kosho Shorei do Mundo. Preside à I.K.S.A. International Kosho Shorei Association e ainda à M.I.K.K.A. Mitose International Kenpo Karaté Association. O Sensei Thomas Mitose tem três Filhos: Deborah Mitose, 18 de Fevereiro de 1959, Elizabeth Mitose, 17 de Dezembro de 1960 e Mark Mitose a 17 de Dezembro de 1964. Elisabeth e Mark Mitose são actualmente Campeões Mundiais. Entretanto começam a surgir nomes como: Robert A. Trias, Dr. Arnold M. Golub, Bruce Juchnik, Jeff Speakman, Adriano Emperado,Tom Connors, Al Tracy, Jim Tracy, Joe Palanzo, Arturo Petit, Steve Sanders, Larry Tatum, Frank Trejo, Jay T. Will, Dan Inosanto, James Lee, Professor Lau Bein, Elvis Presley, Jack Farr, Ralph Castro, Rick Alemany, etc., todos Mestres de Kenpo.
Mestre Raúl Gutierrez, responsável pelo Kosho Kenpo em Espanha

Na Espanha

Em 1976 no dia 30 de Agosto, surge o Mestre Raúl Gutierrez em Madrid Espanha, (nascido a 16 de agosto de 1950 em Santiago do Chile), onde introduz o Kenpo Karaté onde até então era desconhecido. O Sensei Raúl foi aluno do Sensei Arturo Petit seu 1º Mestre em Santiago do Chile.. No ano de 1982, o Mestre Robert A. Trias, viaja a Espanha para ministrar um Curso Internacional, durante o qual promove Raúl Gutierrez com o grau de 6º Dan, Fundador do Sistema Kenpo Fu Shih, além de Director USKA em Espanha e Director Geral em toda a Europa. Nesse mesmo ano, o Grande Mestre Thomas Barro Mitose, designa Raúl Gutierrez como seu representante Pessoal e director da International Kosho Shorei Association, IKSA na Europa. Em 25 de Janeiro de 1983 o Sensei Thomas Mitose, reconhece o Mestre Raúl como Mestre fundador de Kenpo Fu Shih, com a graduação de 6º Dan. 1983 Junho, obtém a medalha de ouro durante os Campeonatos Mundiais U.S.K.A., celebrados em Miami-Flórida. 1984, assiste a um encontro internacional em Miami- Flórida onde se reuniram: Thomas Mitose, Arnold Golub, Bruce Juchnik, Robert Trias, Ed Parker, George Anderson, Enry Plee, Chuck Norris, Bill Wallace, Bong Soo Han, etc. O Sensei Gutierrez é autor de vários livros de Kenpo editados em Espanha. Presidente da Federation Española de Artes Marciales , da Spanish United States Karaté Associacion, International Police and Security Association, Director da U.S.K.A., I.F.S.A. e L.E.L.D..
Sensei Jinha, Fundador do Jinha Kenpo

Em Portugal

No ano de 1995, o Mestre Raúl Gutierrez vem a Portugal, ministrar um Curso de Defesa Pessoal em Benavente, onde o Mestre Jinha o conhece pessoalmente. O Mestre Jinha praticava na altura o Kempo Lusitano e recebeu ensinamentos do seu Mestre e grande amigo Walter Pestana, desde 1978 com o seu Mestre, ainda residente na Cidade de Viseu. Nesse mesmo ano (1995) o Mestre Jinha, é convidado pelo Mestre Gutierrez a deslocar-se a Espanha, para praticar Kosho Shorei Kenpo Fu Shih, uma vez que já estava integrado e conhecia vastamente o programa de Kosho Kenpo Fu Shih. Na mesma altura o Mestre Jinha em conjunto com mais 4 Cintos Negros de Kempo Lusitano do Sensei Walter Pestana, praticam também em Portugal o mesmo Sistema e decide-se criar a S.U.S.K.A. de Portugal, debaixo da égide do Sensei Raúl Gutierrez. Esta Associação é a única com legitimidade para praticar e divulgar a Arte Kosho Kenpo presentemente em Portugal.

Passados alguns meses de treino com o Sensei Gutierrez, o Mestre Jinha é novamente convidado, mas desta vez para prestar provas e se submeter ao exame de Cinto Negro 2º Dan de Kosho Kenpo no dia 04 de Novembro de 1995, na Cidade de Madrid, Espanha, examinado pelos Sensei Raúl Gutierrez Cinto Negro 8º Dan, Sensei Henrique 5º Dan.

O Mestre Jinha torna-se o 1º Português a ser diplomado pelo Sensei Gutierrez, com o grau de Cinto Negro 2º Dan, pela S.U.S.K.A. Spanish United States Karate Association e F.E.A.M. Federacion Española de Artes Marciales e ainda Instructor Internacional de Kosho Kenpo Fu Shi e representante Oficial para o Distrito de Viseu, diplomas com o nº 452L1/95.

Da mesma forma como se passou no Japão, no Hawai, nos Estados Unidos da América, na Europa e um pouco por todo o Mundo, o Chúan Fa ou Kenpo, sofre também em Portugal, uma nova evolução. O Mestre Jinha no ano seguinte funda um Sistema a que deu o nome de Jinha Kenpo e constituiu a Associação Portuguesa Ryu Jinha Kenpo, baseadas em técnicas do Kenpo em geral, embora o Programa seja completamente diferente. Este sistema Jinha Kenpo, procura essencialmente a eficácia, oferecendo assim uma ferramenta mais ou menos eficaz na defesa pessoal, para todos aqueles que sintam necessidade de se defender.

Existem mais de 50.000 versões de Kenpo Americano e não só, antigos e recentes como são os casos de:

  • antigos – o Kosho Ryu Kenpo de James Mitose, o Shorinji Kempo, de Nakano Michiomi, Ju-Jutsu, originário das Escolas de Ch’in Na e Lung Hua Ch’uan, o Kara-Ho Kempo Karaté Chinês, de William K.S. Chow, estudante de James Mitose, o Kajukenbo de Adriano Emperado, estudante de William Chow, Shaolin Kempo Karaté de Fred Villari, Tigre Branco Kenpo Karaté, Go Shin Jitsu, Okinawa Kenpo, Nippon Kempo, Go Kempo, Ju Kempo, Sam-Pai Kenpo, Won Hop Kuen Do, etc., etc.!!!;
  • Mais ou menos recentes – Kenpo Karaté Americano, de Ed. Parker, estudante de William Chow, Jeet Kune Do do famoso Bruce Lee, originário de Kung Fu/Chúan Fa, estudante de Wing Chun e Ed Parker, Kosho Kenpo Fu Shih, de Raúl Gutierrez, estudante de Thomas Barro Mitose, filho de James Mitose, o Kenpo, de Nick Cerio, Lima Lama, o Kempo Lusitano de Walter Pestana, (aluno de Ryu de Mendonça), Mestre do Sensei Jinha, o Kenjukabo, de Javier de Miguel, e Joaquín Escrig, Jinha Kenpo de Jorge Soares “Jinha”, estudante de Walter Pestana e Raúl Gutierrez, etc.etc.!!!!

 

O Mestre Jinha é reconhecido Internacionalmente pela W.E.B.B.S., World Elite Black Belt Society a qual é Presidida pelo Sensei Bryan Cheek, Cinto Negro 7º Dan de Juko Ryu, Ju-Jutsu, e é Membro com o Cartão com o nº 2077 e o diploma com o nº 501. A Associação Portuguesa Ryu Jinha Kenpo, está Institucionalizada no D.R. nº 251 III Série de 29 /10/1996, com sede na Cidade de Viseu.